Espaços da Prefeitura recebem programação do Festival de Curitiba

0
72
Aberta oficialmente nesta semana, a 27ª Edição do Festival de Curitiba terá mais de 400 eventos por toda a cidade. -Na imagem, Dinamarca por Danilo Galvão. Foto:Divulgação

Aberta oficialmente nesta semana, a 27ª Edição do Festival de Curitiba terá mais de 400 eventos por toda a cidade. Até o dia 8 de abril, mais de 90 espaços da cidade, públicos e privados, e da região metropolitana terão produções teatrais, musicais, variedades, debates, palestras, oficinas e gastronomia.

Todas essas ações reúnem artistas e plateias, do Brasil e do exterior.

Os equipamentos e espaços da Prefeitura de Curitiba não ficam fora desse grande acontecimento da cidade. Os teatros da Fundação Cultural, a Capela Santa Maria, o Memorial de Curitiba, as Casas da Leitura, os parques, praças, regionais e até as ruas da cidade serão palco para as apresentações do Festival de Curitiba.

Nos espaços da Prefeitura a programação começou nesta quarta-feira (28/3), às 12h, com a peça “A bruxa e o lobo”. O espetáculo de estreia é uma apresentação de rua voltada ao público infantil apresentada no Mercado Central da Regional Matriz. Uma produção da Cia Giklaus de Teatro, o espetáculo tem entrada franca e acontece também em outras datas e horários. Acesse o site do festival para saber maiores detalhes (www.festivaldecuritiba.com.br).

Confira a seguir alguns destaques que acontecem nos equipamentos do município.

De 28 a 30 de março, no Auditório Antônio Carlos Kraide, no Portão Cultural ocorre o espetáculo “Meu passado não se apaga: Ubuntu: sou o que sou pelo que somos”, do Fringe (mostra independente do Festival).

Na peça, trechos do poema “Navio Negreiro” de Castro Alves, são declamados pelos atores aliado a partituras físicas assim como danças e música para retratar a vida no Reino de Benim, África. O espetáculo utiliza projeções e vídeo, fazendo o espectador se sentir dentro da história e no cinema sem sair do teatro. A peça tem ingressos a R$ 20 reais. Confira o horário do espetáculo no site do festival antes de sair de casa.

Já no dia 1º e 2 de abril, é a vez do Teatro do Paiol receber o espetáculo “Dinamarca”, dentro da programação do Interlocuções – ação formativa com programação gratuita que visa ampliar a experiência entre artistas e público estimulando o pensamento sobre as artes cênicas. A peça aborda o ritmo de vida que as pessoas levam. Fatos cotidianos que acontecem o tempo todo também serão colocados em cena. A peça será apresentada nos dois dias, às 21h e os ingressos custam R$ 70 e R$ 35 reais (meia-entrada).

Dentro da Mostra 2018 (Oficial), um dos grandes destaques será o espetáculo “Cabaret Macchina”, da companhia curitibana Selvática. A peça é uma estreia nacional que será apresentada na Rua da Cidadania da Matriz nos dias 3 e 4 de abril, às 21h. O espetáculo tem a participação da cantora Karina Buhr e é uma atração grátis da mostra oficial. O projeto foi realizado por meio do Programa de Apoio e Incentivo à Cultura da Prefeitura de Curitiba.

A Casa Hoffmann recebe no dia 1º de abril, às 12h o espetáculo “Ímpeto”, que estreia no Festival na mostra Fringe. A partir de trechos poéticos, o espetáculo procura a verdade por trás das palavras, enquanto no mundo lá fora o que acontece é ação em si, da forma mais visceral e violenta. A peça pode ser vista também nos dias 3/4 (21h) e 5/4 (16h). Os ingressos custam R$ 10 e R$ 5.

Gratuitos

A programação do Festival de Curitiba conta com muitas atrações gratuitas, em diversos espaços da cidade. Na Rua da Cidadania da Matriz acontece, no dia 4/4 ao meio-dia, o espetáculo de teatro de rua e dança “E toda vez que ela passa, vai levando qualquer coisa minha…”

Já nos dias 2,3 e 4 de abril, a Casa Hoffmann sedia a oficina “Dança para todos os corpos”. Ministrada pelo bailarino e coreógrafo Marcos Abranches, a oficina propõe exercícios de consciência corporal, exploração do movimento, respiração e concentração. O encontro ocorre das 9h às 13h.

Na Regional da CIC tem espetáculos do Fringe no dia 5, em três horários: 10h “A Maravilhosa História do Sapo Tarô Bequê”; 15h “Praça da Amizade” e 18h “Sorrir e Pensar”.

As apresentações são na Praça em Frente ao Terminal da CIC (Rua Manoel Valdomiro de Macedo, 2.460, Cidade Industrial). Também haverá três espetáculos no dia 8, no Parque dos Tropeiros (Rua Maria Lúcia Locher de Athayde s/n – CIC): 10h “Sorrir e Pensar”; 15h “Gideoa a Gata Leoa” e 18h “Fadinha, A Magia está na Varinha”

Serviço – 27º Festival de Curitiba

Data: de 27 de março a 8 de abril de 2018

Maiores informações sobre a programação estão disponíveis no site: www.festivaldecuritiba.com.br

 

 ** Com Prefeitura Municipal de Curitiba

DEIXE UMA RESPOSTA